Podologia Infantil: “bebês e crianças também precisam de podólogo”

A Podologista Yumi Ikeda, desenvolveu uma abordagem

diferenciada no atendimento a bebês e crianças de 0 até 14 anos.

O choro frequente no caso de um bebê, muitas vezes, pode não estar associado a cólicas ou dor de ouvido, mas a uma unha encravada que inflamou. A solução é recorrer a um especialista em Podologia Infantil. A técnica é muito eficaz no tratamento do problema, desencadeado principalmente por conta de cortes irregulares da unha, calçados e roupinhas justas ou constante atrito do pezinho no bebê-conforto, cadeirinhas e carrinhos. A herança genética também é uma das causas. "Quando os pais têm unha encravada, provavelmente, seus filhos apresentarão algum tipo de problema nos dedinhos", afirma a especialista, que atende crianças de todas as idades, inclusive recém-nascidos.

 

Yumi Ikeda, que obteve o reconhecimento por parte da mídia especilializada e hoje ministra palestras para profissionais da área de podologia sobre este assunto, explica: "A primeira consulta consiste em uma análise detalhada do problema, pois algumas crianças chegam aqui sentindo dor no dedinho por conta da inflamação. Em seguida, iniciamos o tratamento com muito cuidado e orientamos os pais sobre a forma e a periodicidade indicada para o corte da unha", acrescenta a especialista.

Para Yumi, a saúde dos pés dos bebês começa com a prevenção. Já a visita ao podologista infantil para quem procura tratamento deve ser realizada de 20 a 30 dias, dependendo da patologia.

Contamos com o que há de mais moderno em sistemas de esterilização de instrumentos (Autoclave e Ultrassom), e todo material usado nos procedimentos é descartável.

Os atendimentos são realizados em ambientes que respeitam todas as exigências do protocolo de segurança da Vigilância Sanitária (nosso registro: CMVS nº 355030801-869-000133-1-5).


we.digi - agência digital
Copyright © 2016 Todos os direitos reservados: Yumi Ikeda